Guedes garantiu auxílio até vacinar toda população, diz presidente do Sebrae

(Poder360) – O presidente do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), Carlos Melles, afirmou nesta 2ª feira (07.jun.2021) que o ministro Paulo Guedes (Economia) se comprometeu a prorrogar o auxílio emergencial até que toda a população brasileira esteja vacinada contra a covid-19.

Medidas de apoio a empresas, como o BEm (benefício emergencial), também continuarão. Guedes e o presidente Jair Bolsonaro participaram de reunião com empresários e demais ministros, no Palácio do Planalto, nesta tarde.

Hoje, ele [ministro Paulo Guedes] colocou aquilo que a gente esperava. O auxílio vai até o rebanho estar vacinado. Essa foi uma colocação positiva, que dá uma certa tranquilidade. A nossa previsão [do Sebrae] é que no final de outubro, pelo estudo que fizemos, estaríamos com o rebanho vacinado“, afirmou Melles a jornalistas após o encontro com o presidente e ministros.

Com a “vacinação de rebanho” completa, o governo espera a recuperação da economia. “Todos nós sabemos que a melhor retomada da economia é a vacinação“, disse Melles. Além de estender o auxílio, o BEm, programa de redução de jornadas e salários, também deve ser estendido. Na semana passada, Bolsonaro sancionou a lei que torna o Pronampe (Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte) uma política pública permanente.

“[O compromisso garantido foi] a manutenção dos créditos trabalhados desde o ano passado: Pronampe, Bem e outros créditos, que o ministro [Guedes] está estudando que são de acordo com a faturamento de cada empresa. Você vai ter crédito de acordo com o faturamento da empresa”, afirmou George Pinheiro, presidente da CACB (Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil), em fala à imprensa no Planalto.

Deixe uma resposta

Fale com a gente!