Museu de Arte de Brasília reabre com exposição de Tarsila do Amaral

O espaço poderá ser acessado pelo público a partir desta sexta-feira (28/5)

Museu de Arte de Brasília MAB (7)
(Metrópoles) – O Museu de Arte de Brasília (MAB) reabre suas portas, nesta sexta-feira (28/5), depois de 14 anos de interdição do prédio e uma reforma que custou R$ 9 milhões. Para a reestreia, quatro exposições vão ocupar o hall, o pilotis e a área externa com gravuras de Tarsila do Amaral, fotos de Orlando Brito sobre nossa história recente, painéis que narram a trajetória do museu e esculturas na área externa.

Para a segurança dos visitantes, serão adotados os protocolos de segurança de praxe: obrigatoriedade de máscara para entrar, medição de temperatura dos usuários na entrada, distanciamento monitorado entre as pessoas e álcool gel disponibilizado.
No hall, a exposição Tarsila no MAB apresenta seis gravuras da artista Tarsila do Amaral (1986-1973), expoente da Semana de 22, de 10 obras pertencentes ao acervo do MAB. A mostra celebra os 135 anos do nascimento de uma das mais importantes artistas do Brasil, que revolucionou a arte brasileira.

No Pilotis, Brasília: Cenário do Poder reúne 18 fotografias realizadas entre 1966 e 2021 pelo fotógrafo e jornalista Orlando Brito, profissional reconhecido na cobertura política em Brasília.

O MAB exibe 10 painéis que contam a história do museu e de seu acervo. O público também poderá conhecer as transformações pelas quais passou na mais recente reforma.

Deixe uma resposta

Fale com a gente!