Projeto português leva universitários a morar sem aluguel na casa de idosos

(Uol) – Sessenta e quatro anos separam o estudante cearense Carlos Gadelha e a simpática dona Albertina Monteiro de 90 anos. Desde setembro de 2020, o estudante de mestrado integrado em Ciências Farmacêuticas na Universidade do Porto, divide o lar e as vivências com a senhora portuguesa como parte de um programa social inédito, o Programa Aconchego.

Estudantes que moram no interior de Portugal e não têm recursos financeiros para viver nos grandes polos universitários como a cidade do Porto podem viver sem custo de aluguel (em torno de 450 euros em residências estudantis), na casa de uma pessoa idosa solitária, auxiliando nas tarefas do cotidiano.

“Tem sido um ambiente enriquecedor, ela é uma senhora muito antenada no que acontece no mundo e a sua volta, ela se adaptou muito bem ao mundo atual, e isso cria uma ponte entre a gente. Criamos as nossas rotinas, como o dia do filme e a hora do nosso café”, conta Gadelha, 26, natural de Fortaleza.

Deixe uma resposta

Fale com a gente!