Indústria condena alta dos juros para 4,15%

(Blog do Riella) – A Confederação Nacional da Indústria (CNI) considerou a decisão do Copom, de aumento dos juros para 4,25%, como “equivocada”.

Em nota, a CNI destacou que a medida encarece crédito para consumidores e empresas justamente em um “momento crítico da atividade econômica, que sofreu novo impacto negativo com a segunda onda da pandemia”.

A CNI lembra que a produção industrial de abril de 2021 ainda está 6,6% abaixo do nível alcançado em dezembro de 2020.

A Fiesp afirmou que o novo aumento ocorre em um cenário de recuperação econômica ainda não consolidado.

Deixe uma resposta

Fale com a gente!