Inflação para os mais pobres chega a 8,57%

(LinkedIn) – Números do IBGE mostram que a inflação tem atingido de maneira diferente ricos e pobres. Desde o início da pandemia no Brasil, a inflação acumulada para as famílias com renda de até cinco salários mínimos foi de 8,57%, ante uma média nacional medida pelo IPCA foi menor, de 7,39%.

O impacto é maior para os mais pobres porque produtos básicos, como alimentos, gás e energia, têm peso maior na cesta de consumo dessas famílias. O arroz, por exemplo, subiu 76% em 2020, enquanto o feijão preto aumentou 45%.

Deixe uma resposta

Fale com a gente!